Futebol não é uma doidice?


Goias 4x0 Botafogo

 

Fonte: http://www.flickr.com/search/?q=futebol&s=int&page=2

 

O melhor do futebol é uma coisa que se chama imprevisibilidade e que se alimenta da paixão. A paixão diz ao torcedor que seu time será melhor amanhã do que será hoje, e para isso basta a esperança. De vez em quando o torcedor briga com o seu time, mas nem ele leva a sério tal briga. Chega nem a ser briga de casal… A imprevisibilidade é a pimentinha que sempre está lá, presente e que torna o futebol tão visceral, um esporte que fica ali, transitando entre o racional e o irracional, entre o lógico e o sentido do sentimento puro. Milhões de pessoas vibram, se desesperam, alimentam ódios, se frustram, se acostumam com times medíocres e chegam ao empoderamento puro quando seu time está no topo, no primeiro lugar. Quando se está em primeiro lugar, os outros são ainda piores do que normalmente são. Como toda catarse em grupo, o futebol se presta a inúmeras análises, a muitos programas dedicados à sua prática, a espetáculos massivos, a colocar muito dinheiro em circulação.

 

Um grande time de vôlei masculino, como o do Brasil, tendo treino e tática, estratégias e preparo físico, autoconfiança e em fase de contínua estabilidade, com jogadores de ponta e um técnico competitivo e carismático, além de uma competente assessoria técnico-esportiva será uma equipe de excelência e, portanto, virtual campeã independentemente do torneio que participe. Acontece o mesmo com times de futebol? Sim, mas aí entra a imprevisibilidade. E essa é toda a diferença, e toda a paixão.

 

Uma breve análise:

 

1)      O Internacional, em fase de ascensão após ter derrotado o São Paulo, vai a Minas Gerais jogar contra o Ipatinga, que, por sua vez, é o último colocado. Bastava ganhar do Ipatinga, que tem um time muito menos qualificado, e o Inter subiria da nona para a quarta posição do campeonato brasileiro, entrando na zona dos times que irão à Libertadores no ano que vem, 2009. Pois o Inter perdeu de um a zero para o Ipatinga. Continua na nona posição. E o Ipatinga, por sua vez, continua sendo o lanterna da competição.

2)      O Grêmio começou o ano desacreditado e trouxe um técnico (Celso Roth), que até ontem a torcida vaiava, hoje é líder do campeonato brasileiro. O Grêmio tem uma das melhores defesas e um dos melhores ataques do campeonato. Até ontem Roth era execrado pela torcida. Hoje virou herói.

3)      O Fluminense, que eliminou o Boca Juniors da Libertadores 2008 (tarefa para poucos) e conseguiu perder dois pênaltis na final no Maracanã, hoje luta para não entrar na área dos times que serão rebaixados no campeonato (os quatro últimos).

São apenas três fatos, muito claros. Ah, sim, o Inter foi campeão em Dubai e com o dinheiro comprou um jogador (Bustos, colombiano) que hoje está na reserva. O Grêmio, por sua vez, não ganhou nenhum título ainda em 2008. E a crônica desportiva deita e rola e vaticina e faz programas os mais ilógicos e, como sempre pergunta as mesmas coisas e ouve as mesmas respostas. E isso que ainda faltam quatro rodadas para terminar. O campeonato? Não, não mesmo. O primeiro turno.

 

Futebol não é uma doidice?

 

Um comentário sobre “Futebol não é uma doidice?

  1. O que mais me incomoda no futebol talvez seja uma boa resposta para a tua pergunta…as mudanças contínuas de treinador…basta o time não fazer uma super apresentação que o técnico já passa a ser questionado…Com o perdão do trocadilho, o futebol está técnico demais…falta pensar mais o jogador …o divertimento….a brincadeira. Sem isso, tudo vira loucura! Até o que não é futebol….não achas???

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s