O luxo e o bar-compartilhar


mesa de bar por Bernardo Pereira da Silva

Fonte: http://www.flickr.com/search/?q=mesa+de+bar&page=7

momentos absolutamente inesquecíveis. Quando, ao longo da vida, você cultiva valores, compartilha aflições e se coloca na situação do outro e recebe um feed back de todo o seu carinho, de toda a sua participação na vida de seus filhos, por exemplo, o prazer não se conforma em si mesmo. Ele excede. Tais momentos passam a ser luxuosos. Os dicionários dizem que o luxo está ligado ao consumo do supérfluo, da muitas vezes arrogante demonstração de excesso, da jactância; o luxo está ligado, inequivocamente a uma expressão de poder, normalmente econômico. No entanto, o luxo necessariamente não necessita de tais prerrogativas. Viver bem é um luxo. Não ter contas atrasadas é um luxo. Um bom café da manhã, uma mesa farta, a escolha de um modo de vida honrado e uma positiva imagem pessoal construídas ao longo da vida, uma viagem em parceria, uma boa leitura, são luxos. Talvez o maior de todos os luxos seja o de amar e de ser amado, o de ver poesia nas coisas simples do cotidiano, uma mirada sobre o horizonte, uma mente que não se configura através da busca neurótica de razões, de objetivos imediatos, de interesses, tudo isso é um luxo.

Luxo está ligado à luxúria, e luxúria é prazer. Luxos economicos muitas vezes trazem problemas, sendo um deles o de manter o próprio exagero, a própria imagem de fausto, a arrogância do mostrar para o outro quem nós somos através daquilo que adquirimos. Esse luxo, aquele do dicionário, pode dar muito trabalho ou pode dar muito aborrecimento adicional. Há aqueles, contudo, que são os luxos da alma, os do compartilhamento, os dos instantes genuínos, os dos simples desfrutar, o de deixar sentidos e sentimentos fluírem, o de presentear alguém com alguma atitude inesperadamente imprescindível. O luxo das coisas que não são mercancias. Aqueles luxos que residem no simples e inconfundível querer, e que se consubstanciam no reconhecimento, na beleza e na placidez do que recebemos de modo tão deliciosamente amigo.

Ontem à tarde, houve uma formação da SMED e, quando a mesma terminou, encontrei pessoas que são muito caras. Decidimos conversar um pouco, sentar em uma mesa de bar. Ficamos ali, rindo, contando histórias, enquanto o tempo fluía como um rio, enquanto os compromissos eram maravilhosamente deletados. O prazer de estarmos juntos simplesmente por estar juntos, sem nenhum interesse maior que não o estar próximo, o compartilhar de momentos de carinho, de descompromisso com o imediatismo, com a retórica, com os desvãos e desvios que somos obrigados, muitas vezes a tomarmos nessa coisa que denominamos de dia-a-dia. Longe de tudo que estressa e perto de tudo que congrega.

Cátia, Gilson, Camila, Carlos, Bárbara, obrigado pela tarde absolutamente luxuosa. Grande abraço, do Hilton.

 

 

 

 

 

 

6 comentários sobre “O luxo e o bar-compartilhar

  1. Obrigada Hilton!
    Lendo teu artigo lembrei de muitos “momentos luxuosos” de minha vida! São eles que marcam a diferença entre a mesmice opaca e sem graça e a alegria de compartilhar a vida!
    Beijos carinhosos!

    • Muito grato pelo seu comentário! Creio que luxo não deve ser obrigatoriamente ligado a fausto, à megalomania de uma sociedade de consumidores. Como diz Szygmunt Bauman, a estrada do consumo é infinita, e o que nos faz trilhar pela mesma é a nossa oceanica vaidade. Luxos são simples, luxos são situações das quais nos recordamos com prazer, com carinho, com sabedoria. Aliás, Aristóteles não precisava mais do que isso para ser feliz. Estamos em boa companhia. Graaaaaaaaaaaande beijo, hILTON

  2. Querido Hilton, realmente foi um luxo de entardecer de primavera. A caminhada ao final pela redenção ao cair da noite também foi ótima. Compromissos deletados com muito prazer. Abraço Carlos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s